Dicas para mudança de móveis: saiba o que fazer para evitar dores de cabeça - Estoque Tudo

Blog
Estoque Tudo

20 de dezembro de 2018

Dicas para mudança de móveis: saiba o que fazer para evitar dores de cabeça

Apartamento Casa
dicas para mudança de moveis

Vai se mudar? Precisa de dicas para mudança?

Mudar de casa ou de apartamento costuma renovar os ânimos e encher os novos moradores de expectativas, correto? A ansiedade pela chegada ao novo lar é um sentimento comum quando uma família passa pelo processo de mudança.

No entanto, se o deslocamento dos bens, especialmente os móveis, não for bem planejado, a empolgação com o novo espaço pode virar uma tremenda dor de cabeça. Os móveis, por serem mais suscetíveis a arranhões e quebras, geralmente são os itens mais atingidos nas mudanças, podendo mesmo perder algumas partes desmontadas ao longo do trajeto.

É por isso que este artigo foi produzido: dar algumas dicas para mudança para facilitar todo o processo para você! Confira!

Dicas para mudança

Confira as nossas dicas para mudança e torne todo o processo mais tranquilo e seguro.

Verifique o horário da mudança

Na maioria dos prédios, existe um horário definido para a realização de mudanças. A melhor maneira de evitar problemas com os demais condôminos é conversar com o síndico e estabelecer o dia e o horário para o transporte.

Estabelecendo esse contato, fica mais fácil, por exemplo, reservar o elevador de serviços para te auxiliar no dia da mudança se o seu novo prédio tiver um.

Escolha uma transportadora de confiança

Se você optou pelos serviços de uma transportadora para fazer sua mudança, a primeira verificação a ser feita é em relação à confiabilidade da empresa. Faça pesquisas em sites como Reclame Aqui ou consulte o Procon sobre possíveis reclamações contra a companhia.

Outra sugestão é checar se a transportadora tem caminhões e guarda-móveis próprios, identificados com adesivo. Funcionários uniformizados também permitem o reconhecimento das pessoas que entram e saem da casa com objetos e até mesmo que os próprios carregadores assegurem-se de quem são seus colegas.

Não esqueça que, durante a mudança, boa parte dos seus pertences serão carregados e mexidos por terceiros. Para evitar maiores prejuízos, é fundamental procurar uma empresa séria, confiável e com experiência no mercado. Busque fazer orçamentos diversos e opte por aquela transportadora que transmita mais confiança e que caiba melhor no seu bolso. Especialistas aconselham que a mudança seja orçada em pelo menos três empresas e dão a dica: desconfie de preços muito abaixo da média.

O orçamento, geralmente, é feito após uma visita de vistoria, onde o profissional avalia a quantidade de espaço que será ocupado pelos itens e prevê algumas necessidades como içamento, no caso de algum objeto não passar pelas escadas do prédio, ou adicional noturno. Este é o momento para você esclarecer todas as suas dúvidas e analisar cada item do contrato

Acompanhe a embalagem dos objetos

A embalagem cuidadosa de todos os itens é uma etapa imprescindível para garantir a proteção de seus pertences e evitar inconvenientes. No caso de você ter optado por uma transportadora, é provável que os funcionários se responsabilizem por esse processo, por isso, procure acompanhar este momento.

Cada item a ser transportado é feito de um material específico, podendo ser mais resistente ou mais frágil, assim como algumas peças são pequenas e outras maiores. Por causa dessa diversidade, há um tipo de material de embalagem adequado a ser utilizado para cada tipo de móvel ou objeto.

Hoje em dia, os materiais de embalagem são dos mais variados para realizar a mudança de forma segura e podem ser, entre outros, o plástico bolha, papel ondulado, isopor, caixas de papelão e o papel kraft.

Louças e objetos mais frágeis devem ser embalados individualmente com plástico bolha antes de irem para as caixas. Para indicar que o transporte deve ser feito com mais cuidado, identifique a caixa como frágil.

Outros itens como eletrodomésticos, mesas e cadeiras também podem ser embalados em plástico bolha para evitar qualquer dano. No caso dos objetos de valor, como documentos e outros pertences pessoais, é mais seguro que você mesmo faça o transporte.

No que diz respeito aos móveis, é recomendável o uso de mantas e materiais acolchoados para proteger os pertences ao longo do trajeto, assim como o uso de cintas, para evitar o deslocamento durante o transporte.

Faça a desmontagem correta dos móveis

Desmontar os móveis e os objetos maiores oferece uma maior proteção, principalmente, para aqueles que possuem peças de vidro e portas frágeis. Para evitar riscos, certifique-se de que as peças serão embaladas separadamente e tome cuidado na hora de guardar parafusos e peças pequenas em sacos plásticos (não deixe de identificá-los). Isso é importante para não perdê-los ou confundi-los na hora da montagem. Se não conseguir desmontar, tente tirar as gavetas e prateleiras.

Agora que você já aprendeu todas as dicas de mudança para assegurar que seus móveis e objetos pessoais estarão seguros, é hora de se despedir de seu antigo lar. Quando o caminhão estiver cheio e pronto para seguir rumo à sua nova vida, faça uma busca em todos os cômodos da casa que você vai deixar.

Lembre-se de olhar bem a garagem, os quartos, os banheiros, a cozinha, o jardim e os armários, pois, além de deixar a casa limpa para quem vier a seguir, você ainda garante que não deixou nada para trás. Boas mudanças!

Agora que você já conferiu as dicas para mudança para evitar dores de cabeça, que tal utilizar a Calculadora de Espaço da Estoque Tudo para saber o espaço de box ideal para guardar os seus móveis?

Localização

Conheça nossa localização única no coração da cidade

Av. General Graça Lessa, 820, Vale do Ogunjá, 40.240-325, Salvador - Bahia

Veja no mapa